background
4 de fevereiro de 2016

Dialogando com Platão

123

De costas para a vida
o homem acredita nas sombras.
A luz dói no ventre
de tuas retinas
tão acostumadas
com a penumbra dos fatos.
Cada sombra projetada é
minuciosamente arquitetada
pelos doutores do aparente.
Cá fora, onde me cubro com
a mortalha de um corpo,
os desprovidos
da razão cantam e voam
em plena liberdade.
O saber que escraviza
é o mesmo que liberta…


Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>